21
Out 09

Que a língua portuguesa é traiçoeira e extremamente complicada, mesmo para os que andam por terras lusas desde que nasceram, é um dado adquirido.

No entanto, não é desculpa para não falar correctamente ou, pelo menos, tentar melhorar a nossa performance nesta área. 

 

Erros mais comuns:

- Hadém - quando devia ser hão-de

- Ouvindes - quando devíamos dizer ouvis

- Prontos quando é pronto

- Obrigado/Obrigada - este deve ser o erro mais frequente. Quando um homem fala, independemente da pessoa a quem se dirige ser homem ou mulher, deve dizer sempre "Obrigado". Quanto às senhoras, devem dizer sempre "Obrigada". A explicação: "Obrigado/a" é o sinónimo de "agradecido/a", logo fica mal a um senhor dizer "agradecida", não concordam??

 

Por este motivo, quando temos confiança com as pessoas e, na nossa boa fé, tentamos corrigir as calinadas e as facadas ao bom português de Portugal, a resposta mais comum é: "Boh, tanto faz! Toda a gente fala assim!" Pois, e se toda a gente se atirar a um poço, como bom concidadão que é, vai atrás: onde vai um português, vão logo dois ou três!

E depois deparamo-nos com estes cenários:

 

publicado por LC às 10:33
sinto-me:

e prontoS, aqui está a carraÇinha a dar liSSoes de moral. não, HÁDEM ser os profeçores.
Obrigado.
mana a 21 de Outubro de 2009 às 14:55

Ainda bem que me tens a mim para te corrigir! Ahahahah
LC a 21 de Outubro de 2009 às 16:49

Também odeio ouvir maltratar a Língua!
*.*
guiga a 21 de Outubro de 2009 às 16:30

Coitado do Camões, se ouvisse as calinadas de alguns compatriotas!! :P
LC a 21 de Outubro de 2009 às 16:57

Outubro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
15
17

18
19
20
24

25
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO